Postagem em destaque

Proteção contra inimigos

Saiba alguns truques eficazes e rituais para encontrar a paz eo equilíbrio na família, encontrar uma solução real para esses males que nos ...

Mostrando postagens com marcador rituais satânicos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador rituais satânicos. Mostrar todas as postagens

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Satanismo


O diabo é o espírito do mal e nas lendas e mitologia universal em todas as religiões e mitologias sob ele é o mestre do mal e seus poderes são nomes e características diferentes.

EI diabo é um velho amigo da raça humana. Sua presença constante se assemelha a mais antiga obsessão na memória recente. Ele foi representado de muitas maneiras diferentes, mas algo coincide lenda, religião e mitologia universal: ele é o mestre do mal e os seus poderes são quase ilimitadas. No entanto, num primeiro momento, os demônios não eram necessariamente maus.

O termo vem do diabo grego, diabolos, que significa caluniador. É o espírito do mal na tradição cristã é representada pelo inimigo de Deus anjo rebelde que foi expulso do Paraíso. Também conhecido pelos nomes de Satanás (que significa perseguidor ou inimigo), Diabo, Lúcifer, Lúcifer, Príncipe das Trevas, e assim por diante. Segundo a tradição cristã, Satanás era o chefe dos anjos antes da criação do homem, se rebelou contra Deus por orgulho e inveja as suas obras e foram precipitadas, portanto, para o abismo do inferno.

Embora o Antigo Testamento não menciona explicitamente a rebelião dos anjos, que vai emitir no Capítulo XII (versos 7-9) do Livro da Revelação e também o Novo Testamento freqüentemente menciona Satanás sob vários nomes (Príncipe deste mundo, o Controlador , Tentador, o mal, Belial, etc) .. A doutrina cristã afirma que Satanás ganhou o direito de possuir as almas dos homens, como resultado do pecado de Adão no Paraíso, e que estas só poderiam ser salvos pelo sacrifício de Cristo.

O espírito maligno tem um lugar importante em todas as religiões e mitologias, com nomes e características muito diferentes, de acordo com os diferentes povos e épocas. No Cristianismo, a Reforma não fez nenhuma alteração no que diz respeito à crença em poderes demoníacos e durante os séculos seguintes dificilmente questionada sua existência como bem apontam os muitos processos por bruxaria e satanismo.

O advento do racionalismo do século XVIII levou à crença em Satanás começou a desvanecer-se. No entanto, a Igreja Católica ea maioria dos protestantes prender correntes, mesmo essa crença, mais ou menos filosófica, que é considerado Satanás como o "inimigo de Deus" ou o "espírito do mal" e condena que realizam cultos e rituais invocando o poder antagonista da Boa.

A prática da adoração o espírito maligno chamado de Satanás, e foi amplamente praticada durante a Idade Média. Seu ritual continha uma paródia sacrílega da missa católica foi chamado missa negra.

segunda-feira, 11 de abril de 2011

Ritual satânico - invocação de demônios


Como em outras vezes, como se o passado obscuro algo secreto nos tinha seguido, o diabo volta para resolver entre nós, você tem que admitir. E desta vez ele tem cheia de som e fúria, não só para nos lembrar que a realidade é maior do que a nossa imaginação, mas que é composta de questões de questões completamente além da imaginação humana.

Muitos detalhes foram liberados pela disseminação nervoso e com medo da imprensa diária.

A história de terror para mais simples. O menino foi seqüestrado em 06 de abril de 1992 Abagge Beatriz, filha de prefeito municipal ambiciosos daquela cidade. Isso o levou em seu carro, coloque um pedaço de algodão na boca como uma mordaça, porque a criança chorava, e levou-o para as instalações de uma serraria de propriedade de seu pai, que o deixou amarrado à expectativa do dia Em seguida, o sacerdote de Paula Ferreira realizar o sacrifício. Beatriz procurou o poder de seu pai. A tarifa é oferecer o poder demoníaco segredo, ea tentação do poder é mal resistiu por seres humanos.

Sete pessoas, sete da noite de 07 de abril (a presença insistente do número sete não é de forma alguma, casual) se reuniram na instalação. Com eles havia um Aquila, o navio ritual para receber as entranhas de sua escolha.

O pai, dedicado, aparentemente , a notícia é confusa, a Ogun ou o deus Exu, uma das personalidades do diabo e, portanto, qualificado para realizar a cerimônia, começou a estrangular a criança com uma corda. O seqüestrador, Beatriz, esteve presente com sua mãe, Celina. Os outros participantes foram hábeis em Ferreira.

Vicente de Paula Ferreira puxou o nó do laço até que o menino parou de tremer. Apenas morto, com uma faca afiada, cortou sua garganta. O navio foi o inocente vai sarar. Então, com um serrote, passou a abrir o corpo e remover os órgãos internos, que também foram depositados no Aquila. Em um momento da cerimônia os peticionários, mãe e filha, saiu de cena, não resistir ao horror da matança e foram substituídos por outros seguidores do sacerdote pagão.

Depois da orgia de sangue, drenar o corpo de Evandro foi pequena, embrulhada num saco e saiu. Aparentemente, este é um dos personagens tristes de crianças desaparecidas dez suspeitos de estarem, por sua vez, morto pela seita no Brasil. L nova pesquisa posto em prática no final de julho, apontando para a existência de outras vítimas, não só no Brasil como na Argentina, Bolívia e, talvez, possivelmente, alguns outros assassínio ritual, no Chile. Deve ser feito de que, e desde os tempos antigos, há indícios dessas práticas mal no Haiti e do estado de Louisiana, nos EUA, os caminhos da sede macumbeiros um movimento forte.